Neste artigo você irá aprender Como Usar Nota Fiscal Paulista Para Pagar IPVA. A Nota Fiscal Paulista foi criada em 2007 como forma de tornar o cidadão comum um objeto fiscalizador de fraudes e sonegação de impostos a partir de um programa de devolução de parte do valor pago nos impostos embutidos nos produtos ou serviços comprados.

Caso você ainda não tenha se cadastrado neste sistema, basta acessar o Portal da Fazenda do Estado de São Paulo (ou baixar o app oficial para androids e dispositivos apple). Entre os dados que deverão ser preenchidos estão o seu nome completo, data de nascimento, CPF, email válido e senha.

Em seguida, após ter seu cadastro, informe seu CPF em todas as compras que você realizar para que, assim, parte do valor gasto nos impostos embutidos sejam retornados ao sistema para que, posteriormente, sejam resgatados por você.

Com o valor gerado é possível realizar o pagamento parcial ou total de seu IPVA. Para isso, basta acessar o portal no qual você aprendeu a se cadastrar anteriormente e, ao invés de selecionar a opção de ‘Resgatar valor’, selecione a opção ‘Pagar IPVA’. Logo, você deverá seguir os passos que serão indicados na tela e, assim, conseguirá desconto no pagamento deste imposto e, além disso, conseguirá utilizar o valor devolvido como parte do pagamento.

Lembre-se que existe um calendário anual no qual você pode ter acesso a este valor. Os meses de Abril e Outubro são os únicos momentos possíveis, por ano, para que você consiga mexer com o dinheiro recuperado pelo sistema da Nota Fiscal Paulista. Além disso, você só conseguirá ter acesso à este valor caso esteja acima de R$20,00.

Nossa dica é, portanto, que você se planeje financeiramente para que consiga acompanhar o calendário deste programa e aproveitar de todos os benefícios que ele traz.

Categorias: NF Paulista

0 comentário

Deixe uma resposta

Avatar placeholder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *